Texto: Confiança às cegas

São tantas as coisas que eu queria te dizer agora, mas eu sei que talvez não consiga. Temo pela desconfiança em teus olhos e me sinto pequena, indefesa. Quero que respeite minhas escolhas, que aceite meus erros e burradas, afinal, você também já teve minha idade e não pode contar com ninguém, não foi? Eu sei que posso contar com você, só que é difícil. É e sempre será difícil falar sobre isso. Eu me sinto tão sozinha, mesmo estando cercada de pessoas todos os dias. Sinto-me tão vazia, mesmo não estando faltando nada por dentro. Ou será que está?

Eu queria poder te dizer tudo, só que não dá. Você tem que confiar em mim, tem que acreditar no que eu digo ou eu nunca vou conseguir fazer o que tem que ser feito. Hoje eu só preciso do seu olhar cúmplice e inquieto de curiosidade. Eu preciso que você me apoie, mesmo quando achar que fui errada. Afinal, você também já teve minha idade e vai saber de tudo quando chegar a hora.

Lara Nunes

Deixar um comentário

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s