Livro: Derby Girl!

Tem muito tempo que eu pretendo fazer resenha desse livro e só agora tive uma boa oportunidade. Quando minha amiga me presenteou com vários e-books (obrigada!) eu tive que perguntar qual ela me indicava para começar. A resposta foi bem clara: com Derby Girls!

De cara, preciso confessar a vocês que me identifiquei muito com a Bliss Cavendar, a protagonista da história. Bliss tem um nome estranho, traduzido para o bom português seria “felicidade plena”, um cabelo azul e uma personalidade que não combina com o resto da população da sua pequena cidade, Bodeen no Texas.

Bliss tem uma vida comum. Tem que lidar com a chata da animadora de torcida na escola, com um emprego igualmente chato na lanchonete, uma mãe viciada em concursos de beleza cujo sonho é ter uma filha vencedora. Mas ela enfrenta tudo isso com a ajuda da sua amiga Pash Amini, uma indiana completamente diferente do que nós conhecemos, e de muito indie rock, ganhando pontinhos em meu coração.

Eis que um dia ela foi até Austin, a cidade maneira e cheia de universitários do Texas (eu descobri que essa cidade é bem maneira em My Life as Liz), para fazer compras com a sua mãe. Em uma das lojas, ela acha um flyer sobre uma competição de patins, conhecida como Roller Derby, com a ilustração de uma patinadora tatuada e bem durona. Tudo o que Bliss quer ser.

Um dia ela vai até uma competição de Roller Derby, e fica encantada com tudo o que vê. Meninas de patins, meia arrastão, jogando biscoito para a platéia e com codinomes incríveis. E aí que começa todo o dilema da história.

De  Bodeen para as pistas de Austin, de Bliss Cavendar para Babe Rutheless. Depois de entrar para a equipe de Malice in Wordeland (amo esse nome), ela começa a ter uma vida dupla. Ela precisa dividir seu tempo com a escola, emprego, treinos e competições. Sem contar na competição de beleza que a sua mãe inventou. No meio dessa confusão, ela ainda arranja tempo para começar um romance.

O legal desse livro é que ele retrata bem os problemas adolescentes. Tenho certeza que todo mundo vai se identificar em algum ponto com a Bliss. Sem contar que ela narra tudo com muita ironia, arrancando muitas risadas.

O livro é de 2007 e foi escrito por Shuana Cross, que também é patinadora e conhece bem esse universo. A capa brasileira é linda, finalmente a Galera Record me deixou orgulhosa com o design. Para quem já leu, Derby Girls virou filme em 2009, com a Ellen Page no papel da Bliss e direção da linda Drew Barrymore. Eu não assistir o filme, mas dizem que tem uma tilha sonora incrível.

 Gente, está cada vez mais complicado de eleger o livro do ano. Cada resenha que eu faço eu digo que foi meu favorito. Mas eu continuo na luta, esperem pelas próximas resenhas.

One thought on “Livro: Derby Girl!

  1. Não sabia que tinha livro desse filme, fiquei curiosa pra ler. O filme é muuuito bom, não posso faalar muito porque adoro a Ellen Page, a trilha sonora é foda e o elento então nem se fala super recomendo tá?
    Beijos.

Deixar um comentário

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s